FacebookYoutubeRSSPartilhar

Ruínas do Forte de Modorra

Chart?chst=d map spin&chld=0
Slideshow
  • Image 1 1024 2500
  • Image 1 1024 2500
  • Image 1 1024 2500
O sítio do Modorro, também conhecido por Torre ou Castelo, localiza-se num esporão pouco pronunciado sobre o Tuela. Imediatamente a norte passava a antiga via romana, que logo a seguir atravessa a Ponte de Soeira.

O esporão encontra-se todo agricultado. Isolada a meio do esporão encontram-se as ruínas de uma estrutura. Aparenta ser um edifício retangular, de boa construção, de paredes argamassadas. O tipo de construção e a argamassa apontam para uma cronologia romana. Entre os derrubes apenas se notam algumas telhas de meia cana e alguns tijolos ou tegulae, mas há notícia do aparecimento de materiais de clara cronologia romana, acompanhados dos restos de outras construções, que atualmente não são visíveis.
 
 
A funcionalidade da estrutura é desconhecida, mas tendo em conta a proximidade à estrada romana, poderá tratar-se de uma estrutura de apoio aos viajantes.
 
 
A entrada do esporão fica do lado norte e nesta zona, numa pequena propriedade agrícola vedada por uma sebe, a roda de um trator se afundou num espaço vazio, colocando a descoberto alguns materiais cerâmicos, nomeadamente tijolos ou telhas.
Segundo o Abade de Baçal, foi nesta mesma zona, cerca de 50 metros a norte da estrutura, que apareceu uma sepultura, sendo possível que se trate de uma necrópole.
 
Classificação
EVC - Homologado como Imóvel de Interesse Público; Despacho de dezembro 1979 do Secretário de Estado da Instrução e Cultura
Morada

Vila Verde, Vinhais

Pontuação
Ainda não tem opiniões registadas
Total de Visualizações
3717 visualizações